Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Como estrelas na Terra

Como estrelas na Terra

30
Mar20

Terceira parte do segredo de Fátima e a pandemia


Maria Oliveira

      Na passada sexta-feira, 27 de março,  o Papa Francisco presidiu uma oração no átrio da Basílica de São Pedro, com a praça vazia, para clamar Misericórdia para o mundo : "Queremos responder à pandemia do vírus com a universalidade da oração, da compaixão, da ternura. Vamos permanecer juntos. Vamos demonstrar nossa proximidade às pessoas mais solitárias e exaustas”, disse o pontífice.

  É um momento inquietante, profundo e impressionante que traduz exatamente o que a humanidade está a viver: uma longa e dolorosa noite; Quem assitiu pode ver o Papa caminhando sozinho, num silêncio cortante, sob um céu escuro,dirigindo -se à imagem de Cristo Crucificado, de madeira ...A mesma imagem que sobreviveu a um incêndio há mais de 500 anos e que os romanos levaram em procissão contra a peste em 1522, tendo ficado livres da mesma; 

Oração e bênção Urbi et Orbi na Praça São Pedro

Foram momentos de emoção profunda e de angústia que me fizeram recordar a terceira parte do segredo de Fátima, revelado há 20 anos e descrito da seguinte forma pela Irmã Lúcia: “E vimos numa luz imensa, que é Deus, algo semelhante a como se vêem as pessoas no espelho, quando lhe diante passa um bispo vestido de branco. Tivemos o pressentimento de que era o Santo Padre. Vimos vários outros bispos, sacerdotes, religiosos e religiosas subir uma escabrosa montanha, no cimo da qual estava uma grande cruz, de tronco tosco, como se fora de sobreiro como a casca. O Santo Padre, antes de chegar aí, atravessou uma grande cidade, meio em ruínas e meio trémulo, com andar vacilante, acabrunhado de dor e pena. Ia orando pelas almas dos cadáveres que encontrava pelo caminho.....”

Existem diversas interpretações para esta parte do segredo que inclui outras visões, mas ao assistir a este momento,vendo a fragilidade e debilidade do Papa, carregando o sofrimento da humanidade até aos pés da Cruz de Jesus, de madeira, não pude deixar de associar ao que foi escrito e partilhado; O Próprio Papa Francisco quando veio a Fátima: assumiu-se como o "papa vestido de branco", onde podemos depreender que a mensagem de Fátima,  mantém toda a sua relevância;

Não pretendo associar nem interpretar o conteúdo desta parte do segredo na situação angustiante que a humanidade está  a viver , tão pouco tenho capacidades para tal; apenas partilho o que este momento de oração pela Humanidade com o Papa Francisco me fez recordar; 

Não tenhamos medo....

“Queridos irmãos e irmãs, deste lugar que atesta a fé rochosa de Pedro, gostaria nesta tarde de vos confiar a todos ao Senhor, pela intercessão de Nossa Senhora, saúde do seu povo, estrela do mar em tempestade. Desta colunata que abraça Roma e o mundo desça sobre vós, como um abraço consolador, a bênção de Deus”, disse Francisco.“Senhor, abençoa o mundo, dá saúde aos corpos e conforto aos corações! Pedes-nos para não ter medo; a nossa fé, porém, é fraca e sentimo-nos temerosos. Mas Tu, Senhor, não nos deixes à mercê da tempestade” Papa Francisco

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D